Filme da Netflix fala da Grande Fome na Ucrânia nos anos 30

Bitsmag

A Sombra de Stalin tem Peter Sarsgaard e Vanessa Kirby no elenco

Processando…
Sucesso! Você está na lista.

É difícil tomar partido quando se fala numa guerra que pode desencadear um conflito global. A “desculpa” de Putin de combater o neo-nazismo latente na Ucrânia esbarra nas imagens horrendas de um dos maiores exércitos do mundo atacando civis.

Não tenho a pretensão de comentar essa guerra e me solidarizo com o povo da Ucrânia, ao mesmo tempo ponderando que o povo russo não queria essa guerra. Enquanto aguardamos um cessar fogo ou o fim do conflito, existem vários filmes e séries que podem ajudar a conhecer melhor a história dessa parte do mundo.

Enquanto o portal de streaming da HBO Max disponibiliza a minissérie Chernobyl, da qual vou falar em outro post, a Netflix tem o filme A Sombra de Stalin. Dirigido pela diretora polonesa Agnieska Holland, o filme tem Peter Sarsgaard e Vanessa Kirby no elenco, e o jovem James Norton no papel do jornalista Gareth Jones, protagonista da história.

Jornalista independente que tinha boas relações com a cúpula britânica, Jones conseguiu chegar perto de várias figuras chave da Segunda Guerra Mundial, isso antes do conflito, na primeira metade dos anos 30. Como assessor de David Lloyd George, premiê britânico, ele viajou no avião de Hitler, em fevereiro de 1933 e o entrevistou, bem como a Joseph Goebbles.

Escreveu um artigo sobre a viagem no pequeno jornal de sua cidade no País de Gales. Gareth Jones começa o artigo com a seguinte frase: If this aeroplane should crash then the whole history of Europe would be changed (Se este avião sofresse um acidente toda a história da Europa seria diferente). Falou sobre Hitler como o líder da maior insurgência nacionalista que o mundo havia visto.

Como se vê, além de ter visão, Gareth Jones não tinha papas na língua e assumia suas opiniões, enquanto outros jornalistas faziam vista grossa, por medo da censura e perseguição que poderiam sofrer.

A Sombra de Stalin fala da relação de Gareth Jones e do jornalista americano Walter Duranty, ganhador do prêmio Pulitzer. Duranty, interpretado de forma brilhante por Peter Sarsgaard, era o chefe do escritório do The New York Times em Moscou nos anos 30, e um grande entusiasta da Revolução Russa.

O filme mostra as mazelas da implantação do comunismo na União Soviética e a questão da Grande Fome, crise conhecida também como Fome-Terror ou Holodomor. A crise generalizada se abateu sobre a Ucrânia durante a implantação do regime comunista de Stalin.

Walter Duranty negou o verdadeiro genocídio e Gareth Jones revelou para o grande público essa desgraça que manchou a imagem de Joseph Stalin.

A Sombra de Stalin é uma ótima opção de filme sobre as vésperas da Segunda Guerra Mundial e sobre um episódio vergonhoso para a União Soviética. Considero imperdível.

Confira o trailer:

Bitsmag