Promo Bits – Os Desafinados

Bitsmag

desafinados.jpg
Ganhe um par de ingressos para ver Os Desafinados – confira o trailer

desafinados.jpg

Ganhe um par de ingressos para ver o filme – confira o trailer

Você pode ganhar um par de ingressos para ver o filme Os Desafinados. Para isso é só se cadastrar na comunidade do Bits e deixar um recado no meu perfil. Os dez primeiros que deixarem um recado vão receber pelo correio os dois convites para ver o filme.

 

{youtube}sVp2gYV-zvs{/youtube}

www.osdesafinados.com.br
 
Os Desafinados é um filme que narra a trajetória de um grupo de jovens músicos e compositores que – na década de 60 – partiu para Nova York buscando a realização do sonho do sucesso. Juntos, estes músicos formam um grupo – Os Desafinados – e fazem parte do movimento transgressor musical brasileiro (chamado Bossa Nova) que lançou as carreiras de grandes músicos como Tom Jobim e João Gilberto. O filme assume significativa importância por relembrar os tempos do nascimento da Bossa Nova, os ideais da época, os sonhos de modernidade. A história política brasileira (décadas de 60 e 70) é pano de fundo desta comédia romântica, filmada na cidade do Rio de Janeiro e Nova York (EUA).
 
DIRETOR: WALTER LIMA JR.
GÊNERO: DRAMA
ELENCO: RODRIGO SANTORO, SELTON MELLO, JAIRZINHO, ANGELO PAES LEME, VANESSA GERBELLI E ALESSANDRA NEGRINI
 
O diretor:
 
Walter Lima Jr.
Nascido em Niterói, em 26 de novembro de 1938, Walter Lima Júnior cursou Direito, tendo sido jornalista e crítico de cinema. Trabalhou na criação da Cinemateca do Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro. Foi assistente de Adolfo Celi no inacabado "Marafa" (1963) de Glauber Rocha em "Deus e o Diabo na Terra do Sol" (1963/64). Nos anos 70 dedicou-se principalmente à TV, tendo realizado cerca de sessenta documentários para os programas "Globo-Shell Especial" e  "Globo-Repórter".
 
Filmografia
 
Longa-Metragem
2006 – “OS DESAFINADOS”, roteiro e direção. Produção Tambellini Filmes , com Rodrigo Santoro, Cláudia Abreu, Selton Melo, Angelo Paes Leme, Jair Oliveira, Alessandra Negrini, música de Wagner Tiso (em finalização).
2001 – “UM CRIME NOBRE”, direção e co-roteirista. Produção de Total Filmes Entertainment e Columbia Tri Star International Television,com Ornella Muti, Reginaldo Faria, Alessandra Negrini, Bruno Abrahão, Cláudio Marzo, Chico Diaz, Reginaldo Primo e Neuza Borges, música de Luiz Avellar, fotografia de Walter Carvalho.
1997 – “A OSTRA E O VENTO”, roteiro e direção. Produção de Ravina Filmes, com Lima Duarte, Fernando Torres e Leandra Leal, música de Wagner Tiso, canção tema de Chico Buarque de Hollanda.
1994 – "THE MONK AND THE HANGMAN’S DAUGHTER",  produção independente de William Kemper (USA) em sociedade com  Jofre Rodrigues (BRASIL).
1987 – "ELE,O BOTO". Argumento de Lima Barreto, com roteiro de Walter Lima Jr.. Com Carlos Alberto Ricelli, Cássia Kiss, Ney Latorraca. Música de Wagner Tiso.
1985 – "CHICO-REI". Roteiro de Mário Prata, com Severo D’Acelino, Antonio Pitanga, Rainer Rudolph, Maria Fernanda, Othon Bastos. Música de Wagner Tiso.
1982/1983 – "INOCÊNCIA", baseado no romance do Visconde de Taunay. Com Edson Celulari, Fernanda Torres, Sebastião Vasconcelos. Música de Wagner Tiso.
1978 – "JOANA ANGÉLICA". Roteiro de Walter Lima Jr. Com Maria Fernanda, Walmor Chagas. Entrevistas de Cid Teixeira, Hélio Pellegrino, Prof. Calazans
-Prêmios:      – Melhor Filme no I Festival de Cinema para a Televisão em Curitiba -1980.
1977 – "LIRA DO DELÍRIO". Roteiro de Walter Lima Jr. Com Anecy Rocha, Paulo Cesar Pereio, Cláudio Marzo, Antônio Pedro. Música de Paulo Moura.
1971 – "NA BOCA DA NOITE" – adaptação de Walter Lima Jr. da peça "O Assalto" de José Vicente. Com Rubens Correia, Ivan de Albuquerque. Música de Gato Barbieri e Ron Carter.
1968 – "BRASIL ANO 2000" – argumento de Walter Lima Jr.. Com Anecy Rocha, Ziembinsky, Enio Gonçalves, Raul Cortez, Iracema de Alencar. Música de Gilberto Gil e Caetano Veloso.
1965 – "MENINO DE ENGENHO", da obra de José Lins do Rego, roteiro de Walter Lima Jr.. Com Geraldo D’El Rey, Anecy Rocha, Rodolfo Arena, Sávio Rolim, Margarida Cardoso, Antonio Pitanga. Música de Villa-Lobos e A. Nepomuceno.
 

Bitsmag