Globo de Ouro pelo jeito n?o rola… Greve em pa?s de gente que sabe o que ? ser cidad?o…

Bitsmag

goldenglobe.jpg

A rede de TV NBC confirmou a transmissão, mas o que eles vão transmitir não se sabe. A festa de entrega do prêmio Golden Globe, o prêmio que é decidido pela imprensa internacional de cinema, está marcada para o dia 13 de janeiro, no domingo. Mas com a greve dos escritores e roteiristas americanos da WGA (Writers Guild of America) pelo jeito não vai rolar.

Acontece que quem faz a festa são as celebridades e elas não vão aparecer porque a WGA avisou que vai fazer piquetes na entrada do evento. Isso significa que as celebridades teriam de passar pelo corredor polonês de grevistas em fúria com seus cartazes e gritos. "Not gonna happen"

Os atores têm sido inclusive muito solidários com os roteiristas que estão pleiteando participações nos lucros de obras emitidas e/ou vendidas pela internet e em DVD. É na verdade um momento histórico onde se vai traçar uma parte do futuro do entretenimento. Os estúdios e produtores estão irredutíveis e por conta disso várias gravações de programas, seriados e filmes já foram cancelados.

O programa Late Show With David Letterman é um que ficou parado por quase dois meses. Um acordo de sua produtora, que é independente, fez com que os escritores voltassem a escrever e o show voltou a ser gravado esta semana.

Pra nós brasileiros que nem sabemos de que se trata uma greve ou um movimento dessa natureza, apesar de não estarmos vivendo numa ditadura desde o início dos anos 80, realmente fica meio difícil de entender.

Mas é isso mesmo, em país onde se pratica democracia niguém tem medo de brigar por seus direitos. Dá-lhe escritores e roteiristas americanos, torço por vocês! Adoraria ver o desfile do red carpet e a festa do Globo de Ouro, que é muito mais divertida que o Oscar, mas realmente vai ser bacana saber que os escritores peitaram tamanho sistema que rende milhões de dólares e vão literalmente acabar com a festa.

O acordo que, se Deus quiser, sair dessa pendenga, vai ser histórico e reserva precedentes para o negócio do entretenimento no mundo todo, inclusive pra nós brasileiros, sempre acuados.

Bitsmag