Eddie Vedder Na Natureza Selvagem

Bitsmag

sean-penn_eddie-vedder.jpg

Sean Penn encomendou trilha de filme ao líder do Pearl Jam

sean-penn_eddie-vedder.jpg

Sean Penn encomendou trilha de filme ao líder do Pearl Jam 

Banjos, muito violão e a sonoridade mais crua do folk americano estão presentes no primeiro trabalho solo de Eddie Vedder, vocalista do Pearl Jam. Na Natureza Selvagem (Into The Wild), trilha do filme de mesmo nome, foi encomendado a Vedder pelo amigo Sean Penn, que dirigiu a história de Christopher McCandless, vagabundo ou visionário, que se desconectou de seu passado em busca de sua própria verdade e de encontro com a natureza mais íngreme do Alasca. A escolha é praticamente óbvia: pouco tempo depois que o Pearl Jam lançou Ten, Chris McCandless se aventurou pelos Estados Unidos, ou seja, foi bem na época áurea do grunge de Seattle.

Eddie Vedder tinha acabado de voltar da turnê mundial do Pearl Jam e embarcou imediatamente no trabalho de compor as músicas da trilha. Não demorou mais que três semanas na composição e gravação que teve como inspiração as imagens fantásticas do filme. Meses depois ele e Sean Penn foram passear em algumas das locações do filme, como a região das corredeiras Rapids.

O trabalho é delicado, poético e cinematográfico. Rise tem um belíssimo refrão. Guaranteed é o hit, música que ganhou o Globo de Ouro e foi indicada ao Grammy. A trilha toda é uniforme e pronta para ser ouvida várias vezes, evocando a simplicidade, a liberdade e a poesia da alma da história de McCandless e de qulquer libertário pelo mundo afora.

Ouça a faixa Rise e veja o clipe de Guaranteed:

{mp3remote}http://bitsmag.com.br/media/eddie-vedder-rise.mp3{/mp3remote}

{youtube}O3SxCph5I1Q{/youtube}

Letra:

Guaranteed
Eddie Vedder

On bended knee is no way to be free
Lifting up an empty cup, I ask silently
All my destinations will accept the one that’s me
So I can breathe…

Circles they grow and they swallow people whole
Half their lives they say goodnight to wives they’ll never know
A mind full of questions, and a teacher in my soul
And so it goes…

Don’t come closer or I’ll have to go
Holding me like gravity are places that pull
If ever there was someone to keep me at home
It would be you…

Everyone I come across, in cages they bought
They think of me and my wandering, but I’m never what they thought
I’ve got my indignation, but I’m pure in all my thoughts
I’m alive…

Wind in my hair, I feel part of everywhere
Underneath my being is a road that disappeared
Late at night I hear the trees, they’re singing with the dead
Overhead…

Leave it to me as I find a way to be
Consider me a satellite, forever orbiting
I knew all the rules, but the rules did not know me
Guaranteed.

Bitsmag