Garganta Profunda

Bitsmag

lindsay-lovelace.gif

Lindsay Lohan é sondada para viver no cinema a estrela pornô Linda Lovelace

lindsay-lovelace.gif

Lindsay Lohan é sondada para viver no cinema a estrela pornô Linda Lovelace

Deve se chamar Inferno o filme que vai retratar a estrela do filme pornô mais famoso de todos os tempos, Garganta Profunda. Segundo o jornal Los Angeles Times a atriz Lindsay Lohan foi sondada para viver nas telas o papel de Linda Lovelace, atriz principal da produção de 1972. Um anúncio oficial da contratação pode ser feito durante o Festival de Cannes, na próxima semana. 

Um dos primeiros filmes pornográficos a ter uma história, desenvolvimento de personagens e uma qualidade de produção razoável, Garganta Profunda causou alvoroço quando foi lançado, apesar de ter sido banido em vários países e alvo de várias manifestações contra obcenidade nos Estados Unidos. Existem informações não confirmadas oficialmente de que o filme rendeu mais de 600 milhões de dólares em bilheteria e vendas de vídeo, colocando-o na lista de filmes mais lucrativos de todos os tempos.

1972 foi um ano de escândalos nos Estados Unidos. Não só foi lançado o filme pornô Garganta Profunda, financiado pela máfia, como também estourou o caso Watergate que levou o presidente Richard Nixon a renunciar ao cargo. O caso Watergate foi desvendado por dois jornalistas do jornal The Wasington Post. O informante que delatou o escândalo ficou conhecido pelo apelido "deep throat" (garganta profunda) e sua identidade só foi revelada em 2005, 30 anos depois. Garganta Profunda, o filme, foi tão notório na época de seu lançamento que foi reverenciado por grandes diretores, escritores e atores como Truman Capote, Jack Nicholson, Mike Nichols, Warren Beatty e Frank Sinatra.   

Linda Lovelace, cujo nome real é Susan Boreman, se tornou uma ativista anti pornografia. Ela diz ter sido forçada a atuar como atriz pornô por seu primeiro marido, Chuck Traynor, que teria inclusive a ameaçado de morte.

Bill Pullman fará o papel de Hugh Hefner, fundador da Playboy e o filme deve ser dirigido por William J Frick.

Bitsmag