Pat Cleveland no desfile Moschino

Bitsmag

pat

Icônica modelo negra dos anos 70 arrasa na passarela aos 60 ao lado de Gisele Zelauy, Alek Wek e Erin O’Connor

pat

Icônica modelo negra dos anos 70 arrasa na passarela aos 60 ao lado de Gisele Zelauy, Alek Wek e Erin O’Connor

Um pouco da história da moda foi contada no desfile da grife Moschino na última Semana de Moda de Milão. A modelo Pat Cleveland, icônica precursora das modelos negras na passarela, que desfilou para Oscar de la Renta, Halston e tantos outros nos anos 70 e 80, abriu o desfile que teve trilha de discoteca com a própria Gloria Gaynor cantando ao vivo o hit I Am What I Am. O que se seguiu foi um A a Z das modelos mais estranhas e interessantes de uma época da moda onde o estilo praia-garota-família de Giselle Bündchen ainda não havia se apoderado do imaginário fashion.

Alek Wek, Erin O’Connor, Pat Cleveland e a estonteante modelo brasileira Gisele Zelauy encabeçaram o elenco do desfile que comemorou 30 anos da marca, hoje capitaneada por Rosella Jardini, ex-assistente do designer italiano Moschino, morto em 1994 aos 44 anos.

Pat Cleveland, hoje com 60 anos, tem feito aparições novamente em desfiles e campanhas publicitárias, muitas vezes acompanhada da filha, Anna Von Ravenstein, também modelo. No início dos anos 80 Pat Cleveland fez uma ponta num filme brasileiro. Em Rio Babilônia, de Neville D’Almeida, Pat fez uma cena completamente nua na praia de Copacabana contracenando com Antonio Pitanga.

Confira a íntegra do divertidíssimo desfile da Moschino – primavera 2014 – mais abaixo veja cenas diversas de alguns momentos da carreira de cinquenta anos de Pat Cleveland.