Zevs “liquida” logos nos Estados Unidos

Bitsmag

649129.jpg

Zevs, um dos mais interessantes artistas de rua da França, faz sua primeira individual em N.York

Zevs, que se pronuncia “Zeus”, é um dos mais interessantes artistas de rua da atualidade. O artista francês acaba de estrear sua primeira individual em N.York, na De Buck Gallery, mostrando seu trabalho pouco convencinal que critica grandes corporações mundiais.

Na exposição Liquidated Version, Zevs apresenta novos trabalhos que usam o processo de “liquidação”, criado por ele, além de outras técnicas conceituais, para criticar a crise financeira mundial. Seu maior alvo são os logotipos de grandes corporações e nesta exposição ele “atira” nos logos de grandes instituições financeiras. Dessa forma ele não só questiona a estabilidade dessas instituições como também a força dessas marcas como bens visuais.

Zevs começou como artista nas ruas de Paris, fazendo graffiti nos anos 90. Seu nome foi inspirado em um trem do metrô de Paris pelo qual ele quase foi atropelado. As ruas da capital francesa foram sua tela e seu reino que envolve não só as pinturas como também muita performance, como as séries Visual Attack e Visual Kidnapping, sempre mostrando sua crítica em relação a marcas, publicidade e a sociedade de consumo.

A experimentação deste artista em torno de grandes símbolos da cultura pop e do consumo é uma discussão bastante rica no mundo da arte e da cultura na atualidade.

Confira abaixo imagens da exposição de Zevs na De Buck Gallery de N.York: