Pr?t ? Porter de Altman

Bitsmag

pretaporter_filme.gif

Prêt à Porter: Filme de Robert Altman sobre moda tem raríssima exibição no Brasil

 

pretaporter_filme.gif

Filme não tem versão em DVD 

Dez anos antes da versão filmada de O Diabo Veste Prada, Robert Altman, o venerado diretor de cinema americano, morto em 2006, fazia sua versão satírica sobre o mundo da moda. Prêt-à-Porter (Ready to Wear) foi lançado em dezembro de 1994, no auge do hype da moda.

Foi a época em que as modelos foram alçadas à categoria de super estrelas como Naomi Cambell, Linda Evangelista, Claudia Schiffer e Christy Turlington, e restaurantes temáticos foram abertos em grandes cidades, endoçados por elas. Os grandes estilistas, como Karl Lagerfeld e Jean-Paul Gaultier, viraram celebridades planetárias, com a moda exercendo como nunca um papel de cultura pop.

Robert Altman, ao contrário de muitos intelectuais que até hoje torcem o nariz para a moda, notou o filão e fez sua leitura ultra pessoal, com muito humor e grandes estrelas na tela. Prêt-à-Porter tem no elenco nomes sagrados do cinema como Sophia Loren, Anouk Aimée, Lauren Bacall e Marcello Mastroiani, nomes fortes do cinema dos anos 90 como Julia Roberts e Kim Bassinger e grandes atores como Tim Robbins e Forest Whitaker.

A comediante inglesa Tracy Ullman e Sally Kellerman, antiga colaboradora dos filmes de Altman, cmo MASH, têm os papéis mais engraçados, como editoras de moda.

A trupe fashion evidentemente também está no filme que tem uma trilha sonora fantástica. As tops Helena Christensen, Tatjana Patitz, Naomi Campbell, Linda Evangelista, Christy Turlington e Claudia Schiffer passeiam pela tela ao lado dos estilistas Claude Montana, Thierry Mugler, Jean-Paul Gaultier, Christian Lacroix, Issey Miyake e Gianfranco Ferré. Outra figura fashion que aparece é a atual primeira dama francesa, Carla Bruni.

E a lista continua, com celebridades como Björk, Cher e David Copperfield, todos agregados em evento fashion na semana de moda de Paris.

Como se a tela fosse pequena para tanta estrela, o filme não foi bem recebido pela crítica, apesar de ter sido indicado a dois prêmios Globo de Ouro (melhor comédia e melhor coadjuvante para Sophia Loren). Talvez tenha sido lançado antes do tempo.

A verdade é que nós brasileiros não tivemos direito ainda a uma versão em DVD de Prêt-à-Porter e a exibição do filme na mostra retrospectiva de Robert Altman no CCBB é uma oportunidade única.

Prêt-à-Porter vai ser exibido apenas uma vez na mostra. No Rio de Janeiro é nesta terça, às 16h30min.  A restrospectiva dos filmes de Robert Altman no CCBB fica em cartaz no Rio de 27 de maio a 15 de junho, em São Paulo de 4 a 22 de junho e em Brasília, de 10 a 29 de junho. 

Bitsmag