É Tudo Verdade

Bitsmag

2011-07-06-the captains

18a edição do festival segue para Brasília e Campinas

the-captains-2011

18a edição do festival segue para Brasília e Campinas

Está em cartaz o festival É Tudo Verdade, em sua 18a edição. A mostra segue para Brasília, onde fica em cartaz de 16 a 21 de abril e de  23 a 28 de abril o festival é apresentado em Campinas, em edição compacta. São 82 títulos de 26 países. Na abertura do festival no Rio de Janeiro foi exibido o ótimo documentário Plimpton! Estrelando George Plimpton Como Ele Mesmo, mostrando uma biografia bem humorada do escritor e editor da revista Paris Review dedicada a artigos e ensaios de grandes escritores.

Ao contrário do que se possa imaginar Plimpton tinha um perfil bem midiático para um editor de uma revista voltada para a camada mais elitista da intelectualidade. Como jornalista esteve na linha de frente do jornalismo literário, fazendo reportagens esportivas da mesma maneira como Hunter S.Thompson falava de música ou Tom Wolfe faz em  sua reverenciada crônica social. Ele viveu o mundo sobre o qual falava, portanto para falar de futebol americano conseguiu que o escalassem para jogar. Da mesma forma com o boxe, lutou no ringue e quebrou o nariz para fazer suas reportagens. Foi também um verdadeiro playboy , amigo da família Kennedy e de Hugh Heffner, fundador da revista Playboy. E Heffner é um dos entrevistados no filme que conta ainda com depoimentos de Gay Talese e várias outras figuras de ponta da cultura americana do século XX.

O festival apresenta ainda dois documentários sobre o fanatismo em torno de produtos culturais. Um é The Captains, filme de William Shatner onde ele analisa o sucesso de Jornada nas Estrelas. Shatner entrevista todos os capitães dos filmes da série em conversas despojadas e carregadas de emoção. O ator visita também uma convenção de “trekkers” em Las Vegas e mostra com muito humor sua visão sobre uma das franquias hollywoodianas de maior sucesso e que gerou maior fanatismo entre fãs do mundo todo. 

Quarto 237, por sua vez, mostra o fanatismo em torno do filme O Iluminado, de Stanley Kubrick. O documentário vai esmiuçando cenas do filme e tenta convencer o espectador de vários significados intrínsecos, invisíveis “a olho nú”. Bem interessante para quem tem bastante imaginação…

Sound City, documentário do Foo Fighter Dave Grohl, mostra o estúdio que sediou as principais gravações da era grunge, entre eles Nevermind do Nirvana.

O Fantasma de Valentino analisa a histeria anti-muçulmana dos americanos, contraposta a um dos maiores nomes do cinema mudo de Hollywood, Rodolfo Valentino, que ficou famoso por seu papel de árabe em O Sheik. O filme mostra ainda uma síntese da crise entre Estados Unidos e Oriente Médio e o papel de Israel na política externa americana.

O festival É Tudo Verdade continua até este domingo no Rio e em São Paulo. No domingo, no CCBB, está programado um debate sobre a obra de Sílvio Tendler e serão exibidos vários filmes do diretor, incluindo Jango E O Caminho Para 1964. O debate terá mediação de Amir Labaki, organizador e curador do festival É Tudo Verdade e contará com a participação de Denize Goulart, Hélio Ferraz e Silvio Tendler. 

Para a programação completa e sinopse dos filmes acesse o site oficial do festival É Tudo Verdade

Bitsmag