Ricardo Villalobos no D-Edge

Bitsmag

villalobos.jpg

DJ chileno/alemão faz parada em São Paulo em turnê sul-americana

villalobos.jpg

Ricardo Villalobos, nome essencial do minimal techno e microhouse, vem a São Paulo esta semana. A gig no D-Edge é parte de sua turnê sul-americana que passa ainda por Santiago, sua cidade natal, e Buenos Aires.

Chileno, mas radicado na Alemanha desde os três anos, Villalobos já esteve alguma vezes no Brasil onde dividiu picapes com seu habitual parceiro de cabine e de produções, Ritchie Hawtin. Sua família saiu do Chile para se ver livre do regime ditatorial do General Pinochet que entrou no poder após golpe de estado que culminou com o assassinato do presidente Salvador Allende, em 11 de setembro de 1973.

Fã de Depeche Mode desde criança Ricardo Villalobos começou tocando em festas na época da faculdade, na Alemanha e em pouco tempo iniciou um selo, o Placid Flavour, em 1993. DJ profissional desde 1998 Ricardo é hoje um dos maiores nomes do techno mundial.

Um de seus mais recentes lançamentos é o CD Fabric – número 36. A compilação de músicas produzidas por Villalobos especialmente para este album tem colaborações com Jorge Gonzales, Patrick Ense e Fumiya Tanaka. O album mostra que o minimal tem muitas possibilidades, quando criado com bom gosto e conhecimento de causa.

A noite, que une festa e after hours, tem ainda a presença dos DJs japoneses Radiq e Fumiya Tanaka, e os residents Márcio Techjun, Oscar Bueno e Renato Ratier. Os ingressos, limitados , estão sendo vendidos antecipadamente a R$100,00 na secretaria do D-Edge (segunda a sexta-feira das 10h às 18h) e na bilheteria (quarta a sexta-feira a partir da meia-noite). No dia da festa os ingressos custarão R$150,00 e também são limitados.

Bitsmag