DJ e ator, mas também grafiteiro

Bitsmag

 

goldie-Picture-2

Goldie estréia exposição de graffiti em Londres

A maioria lembra de Goldie como estrela do drum’n bass dos anos 90 e os que vivem no Reino Unido conhecem bem seu trabalho de ator em filmes de James Bond e na série Eastenders. No entanto Afrika Bambaataa, em seu lendário documentário Bombing, capturou seu trabalho como grafiteiro, nos anos 80. Com uma exposição na Maverick Showroom, em Londres, Goldie volta à sua vertente de artista plástico. São trabalhos novos e antigos que estão dispostos pelos dois andares do espaço.

A mostra chama-se  e tem curadoria de Eddie Lock. Na exposição Goldie mostra trabalhos com temas como a decadência da sociedade, conflitos e como é a vida no Reino Unido. O artista mostra ainda em seu trabalho sua preocupação com as crianças de hoje, descrevendo a situação como “estado de emergência”: jovens fora de controle e duelando com as autoridades.

A exibição, que estará aberta ao público a partir de sexta, 10 de abril, deve atrair uma clientela de celebridades do cinema e do mundo da música. Enquanto isso Goldie faz outros trabalhos para gravadoras, mas não como produtor e sim como artista: são deles as capas dos novos lançamentos de Pete Tong e do Faithless.

Cópias de Apocalypse Angel (foto) e o livro Heathtown (bairro de Londres), que mostra o trabalho de Goldie como grafiteiro nos anos 80, estão à venda na galeria. Os quadros em si vão ser vendidos por preços entre 250 e 15 mil libras.

Bitsmag