DJ Bezzi conversa com Easy Tiger

Bitsmag

DJ Bezzi conversa com Easy Tiger

EASY TIGER

A banda paulista se prepara para sair da garagem e batalhar no circuito de casas alternativas

Formação:Três tigres de bengala ( Luluca, heleninha & convidados)

Cidade: São Paulo

Links: www.fotolog.net/luluca66
http://www.myspace.com/easytyger

Bitsmag: Porque o nome Easy Tiger?Porquê a decisão de cantar em inglês?
Easy Tiger: É uma expressão em inlgês que eu vi num flyer em Londres e por coincidência dias depois ouvi um cara falando para o outro num trem que brecou repentinamente e o primeiro caiu sobre o outro que falou: “easy tyger”. Porque não sabemos esperanto e ele nem se consolidou realmente. Mas procuramos atingir o máximo de pessoas possíveis.Creio que a língua inglesa é a mais procurada na escola, não? na verdade ainda nem cantamos direito.

Bitsmag: Quando rolou o primeiro ensaio?
Easy Tiger: Rolou no ano passado, em junho.

Bitsmag: Você acha que a cena independente de rock consegue sobreviver no Brasil?
Easy Tiger: Acho que consegue se divertir, só que não enche a barriga de ninguém, mas acho que ainda é isso que temos por algum tempo.

Bitsmag: Seus trabalhos ficaram conhecidos pelo público alternativo através de bottons, camisetas e stickers. Rock e arte combinam?
Easy Tiger: Claro! Tudo combina.

Bitsmag: Quais são suas expectativas para as primeiras apresentações do grupo?
Easy Tiger: Muita cerveja, alguns reais, nenhum vexame musical (outros podem ser) e sintonia.

Bitsmag: Vocês pretendem gravar algum dia e assinar com algum selo?

Easy Tiger: Uma coisa de cada vez.

Bitsmag