Coluna Bafo: DJ Atum

Bitsmag

Coluna Bafo: DJ Atum

(Entrevista publicada em 22/02/2005)

djatum.jpg 

Após um período de férias a coluna Bafo SP está de volta entrevistando as figuras chave da noite em S.Paulo.O entrevistado desta semana e o DJ Atum .

Atum não é apelido, é o sobrenome do DJ William Atum, uma das grandes revelações dos últimos anos na cena paulistana.Ele é residente da noite AC/DC que acontece às sextas-feiras no Sala Especial e, além de possuir um fã clube de fazer inveja a qualquer DJ, está de viagem marcada para Amsterdam. Aqui ele conta um pouco de sua carreira:

Luiz Fernando – A quanto tempo trabalha como DJ profissional?

DJ Atum – Há 4 anos comecei com a festinha Electronisch. Foi em 2001, com a proposta de misturar o novo electro que ainda não era bem difundido, com house e pop…

Luiz Fernando – A festa Horny Bunny foi um divisor de águas na sua carreira?

DJ Atum – Foi a partir da Horny Bunny que passei a me empenhar mais e consequentemente ser reconhecido pelo público. A cada edição , que era temática e sugeria um dresscode, rolava muita loucurinha e música boa. A festa reunia muita gente interessante. A promoter Emy Pimenta cuidava de todos detalhes pra festa ser um sucesso. Era exatamente o que as pessoas queriam, o novo, o instigante e dizer não àquela house com vocal, fina, chata e sem atitude….

Além da Horny, essa bandeira também era levantada pelo clube Xingu e o projeto no No Porn (de Luca Lauri e Liana Padilha) e pelo Elektra, que dura até hoje….mas quem tinha um apelo mais underground disso tudo era a Horny Bunny…e daí veio seu charme e foi o bafo da noite em 2003

Luiz Fernando – Quais as suas referências?

DJ Atum – Punk, Kraftwerk, Disco, Berlim, The Cure, Siouxsie, Londres, São Paulo, Acid House, Talking Heads, Joakim, Kompakt, James Murphy, Daft Punk

Luiz Fernando – Quais as suas residências?

DJ Atum – Toco semanalmente com Oscar Bueno no projeto AC-DC, na boate Sala Especial, e na festinha Pif Paf, mensalmenta na ampgalaxy. Toco também nas edições especiais de bootlegs do projeto Cio 80s na D-Edge

Luiz Fernando – Você está de viagem marcada para a Europa. Conte-nos sobre seus planos.

DJ Atum – A convite do DJ Lava, estou indo participar de um projeto em Amsterdam, chamado Artlaunch – São Paulo meets Amsterdam…que visa um intercâmbio cultural entre as duas cidades…Já houve edições com Barcelona, Berlim e Istambul e agora é a vez de São Paulo. A festa propõe também diferentes manifestações artísticas como video, fotografia e performance. Na edição São Paulo vai ter a participação do querido e absurdo alisson gothz. Entre os DJs, além de mim e do Lava, tem também o DJ Zozó (Zozonic pras gringas), que deixou São Paulo e foi pra Amsterdam há uns anos e tem arrasado nas pistas por lá…

Luiz Fernando – Quais os momentos inesquecíveis?

DJ Atum – Ainda estão por vir…

Luiz Fernando – Quais os lugares que mais curte no Rio de Janeiro?

DJ Atum – Gosto de dançar no Dama de Ferro e na Fosfobox, de dar pinta em Ipanema e de comer no Gula Gula… E de laricar biscoito Globo e queijo coalho na praia.

Luiz Fernando – Quais os teus DJs favoritos?

DJ Atum – Dos brasileiros gosto de Magal, Schild e Pareto e dos gringos gosto do Ali Schwarz, Ivan Smagghe, Sven Vath, Jeff Mills, Ritchie Hawtin.

Luiz Fernando – Qual a melhor pista atualmente?

DJ Atum – D-Edge

Luiz Fernando – Quando não está tocando você faz o que?

DJ Atum – Quando não estou tocando, estou ouvindo, degustando…..

Luiz Fernando – O que você ouve em casa?

DJ Atum – Rádio Antena 1 ou Alfa FM… Sou viciado em músicas cafonas, dramáticas

Luiz Fernando – Muita gente decretou o fim do electro. Como você vê a cena electro atualmente?

DJ Atum – Dá pra tocar house, rock, acid, funk, techno, new wave house, minimal, punk e dizer que é um set de electro… Então a moda electroclash acabou… A essância do electro, que existe desde os anos 70 e se renova a cada década, está aí flertando com outros estilos e buscando novas sonoridades….a pista atual pede essa mistura

Luiz Fernando – Chart (5 Músicas)

DJ Atum :
the count – Simian Mobile Disco

Disco Infiltrator – LCD Soundsystem

Confession – The Soft Pink Truth

pitch black – Freak Seven

Wuzzelbud – Robag Wruhme

Luiz Fernando – Como te contratar?

DJ Atum :
williamatum@yahoo.com.br

www.fotolog.net/dj_atum

Bitsmag